São Paulo, 26 de Agosto de 2019

Feijoada / Confraternização de Doadores e Aniversário de 9 Anos do Clube SangueBom
Feijoada / Confraternização de Doadores e Aniversário de 9 Anos do Clube SangueBom
Confraternização de Doadores e 9 Anos do Clube SangueBom
Confraternização de Doadores e 9 Anos do Clube SangueBom

Alimentação na terceira idade

Escrita por: Regiane Sanchez
09/05/2008 13:13

Como manter a saúde sem cortar seus pratos favoritos

Quando chega-se à terceira idade, passa a ser importante ter alguns cuidados especiais com a alimentação. Ao mesmo tempo, é interessante não cortar ou restringir pratos que estão totalmente relacionados à sua história de vida.

A Doutora Talita Yamatto, nutricionista do Hiléa - Centro de vivência para idosos, afirma que cuidar da alimentação é uma tarefa muito difícil pois não há um prato ideal, e sim princípios básicos que devem ser levados em consideração.

A médica explica que o grupo da terceira idade é fragilizado comparado a outros, pois possui muitas necessidades nutricionais especiais, restrições na dieta e, em muitos casos, dificuldades para se alimentar.

Por outro lado, Talita entende que não mexer na refeição preferida exerce um impacto positivo na qualidade de vida e bem-estar do idoso. O ideal, então, seria fazer pequenas modificações no cardápio ao longo do tempo. E sempre perguntar a ele qual é sua preferência, completa a nutricionista.

Para atingir este equilíbrio, intercale os pratos favoritos com uma alimentação bem colorida e diversificada, rica em vegetais. Por causa da idade, o intestino vai ficando preguiçoso, tornando alimentos fibrosos indispensáveis. O último ponto chave na dieta é a água, pois muitas pessoas têm dificuldades em ingerir 8 copos por dia. Neste caso, o ideal é comer muitos alimentos ricos em água, como frutas e sucos.

Saiba mais na matéria Alimente bem seu coração

Pompeia: Rua Tavares Bastos, 425 - (11) 3674-4444 - De 2ª a 6ª das 8h às 18h e aos sábados das 8h às 16h.