São Paulo, 11 de Dezembro de 2018

Feijoada / Confraternização de Doadores e Aniversário de 9 Anos do Clube SangueBom
Feijoada / Confraternização de Doadores e Aniversário de 9 Anos do Clube SangueBom
Confraternização de Doadores e 9 Anos do Clube SangueBom
Confraternização de Doadores e 9 Anos do Clube SangueBom

Doenças de inverno?

Escrita por: Regiane Sanchez
27/06/2008 13:48

Dicas para se prevenir nesta época do ano

Com as temperaturas mais baixas, o vento e o clima mais seco, a saúde acaba sendo prejudicada no inverno. Problemas como alergia, gripes, resfriados e até doenças de pele tornam-se comuns nesta época. Quando termina a época de chuvas e o ar fica seco, a média de atendimentos nos hospitais sobe de 30 a 40%. A maior parte dos casos atendidos são doenças respiratórias.

O médico pneumologista, dr. Roberto Stirbulov, afirma que as doenças típicas do inverno precisam ser diagnosticadas e tratadas corretamente. Caso contrário, elas podem se agravar. Uma simples gripe, por exemplo, pode acabar em uma pneumonia.

Doenças crônicas, como rinite, asma e bronquite, por exemplo, devem ser mantidas sob controle através de métodos preventivos. A mudança climática, poluição, ar seco, fumaça de cigarro, poeira, mofo e pêlos de animais podem desencadear doenças como as alergias. Os ambientes fechados também são mais propícios para a disseminação de vírus, como o da gripe.

Pensando nisso, o Clube SangueBom preparou algumas dicas para você se prevenir dos problemas e curtir o inverno, veja:

- Não use roupas que ficaram guardadas e com cheiro de mofo. Lave-as ou coloque-as no sol para evitar crises alérgicas.

- Não se esqueça de lavar ou arejar também os cobertores.

- Evite ambientes fechados com conglomerados de pessoas.

- Apesar do frio, mantenha o ambiente bem ventilado para minimizar a proliferação de vírus e bactérias.

- Atenção com as mudanças climáticas. Leve sempre uma agasalho com você e evite expor o corpo às temperaturas mais baixas.

Pompeia: Rua Tavares Bastos, 425 - (11) 3674-4444 - De 2ª a 6ª das 8h às 18h e aos sábados das 8h às 16h.